Artigos Recentes

Agenda em Brasília: Debates no Contec reafirmam importância do ‘NS’ para fortalecimento do Judiciário; Conan termina com propostas para consolidação da carreira

Representado pelo diretor administrativo e financeiro, Engelberg Belém, e pelo servidor Cláudio Emílio Carvalhedo, o sindicato esteve presente no Coletivo Nacional da Fenajufe dos Técnicos Judiciários (Contec) e o Coletivo Nacional da Fenajufe de Analistas do Judiciário e MPU (Conan)

FOTOS: Joana D'arc (Fenajufe)

FOTOS: Joana D’arc (Fenajufe)

O Sintrajufe/CE cumpriu, no último final de semana (3 e 4 de março), compromissos em Brasília. Representado pelo diretor administrativo e financeiro, Engelberg Belém, e pelo servidor Cláudio Emílio Carvalhedo, o sindicato esteve presente no Coletivo Nacional da Fenajufe dos Técnicos Judiciários (Contec) e o Coletivo Nacional da Fenajufe de Analistas do Judiciário e MPU (Conan).

Os dois dias de Contec reforçaram a importância de se intensificar as ações do ‘NS’ – principal bandeira do segmento – e da preservação da existência dos técnicos enquanto carreira. No sábado, os debates tiveram como pauta o cenário em que se insere a luta da categoria. No domingo, sintetizou-se a complexidade da luta e a necessidade das estratégias a serem reorientadas para a consecução do objetivo, baseadas, prioritariamente, pela mobilização e por maior participação das bases e das entidades no processo.

WhatsApp Image 2018-03-08 at 12.22.40 (1)
“O nível superior para os técnicos judiciários é a valorização da categoria e de todos os servidores do Poder Judiciário Federal”, ressalta o diretor administrativo do Sintrajufe/CE, Engelberg Belém.

Análise de ações

Quanto à dinâmica de trabalho, no domingo os servidores fizeram o balanço das propostas apresentadas ainda no 3º Contec – realizado em 9 de julho de 2017 – avaliando as ações realizadas. Também foram analisadas as ações executadas acerca das duas resoluções aprovadas no Plano de Ações e de Lutas na XXI Plenária de Campo Grande (MS) e do encontro do Núcleo dos Técnicos do Rio de Janeiro, o Cotec.

> Leia mais: XXI Plenária Nacional discute união sindical e aprova calendário de lutas

01Conan4mar2018Fortalecimento de laços para avançar

Na mesa, os coordenadores Alisson Ribeiro, Costa Neto e Gláucio Rodrigues dirigiram os trabalhos de debates relacionados às discussões de carreira de analista judiciário e conjuntura política.

Além disso, foram colocados em questão temas como o Regimento Interno do Coletivo com a implementação de propostas sobre assuntos específicos.

As propostas:

– Criação de um fórum interdisciplinar de carreira;

– Elaboração de material de divulgação dos impactos positivos da atividade do servidor e do Judiciário na vida do cidadão brasileiro, sob a perspectiva do servidor para valorização da sua atividade em sociedade e pela sociedade, devendo estudar e implementar os meios mais eficientes de difusão dessas informações em sociedade;

– Reajuste dos auxílios com a implementação do auxilio-creche;

– Elaboração de um encontro ou reunião com representantes dos sindicatos filiados para debater soluções com vistas à regulamentação da carta sindical da Fenajufe

As indicações do Conan serão encaminhadas a direção da Fenajufe, que vai deliberar e encaminhar aquelas que forem aprovadas.

02Conan4mar2018 1
“Foi um debate de alto nível e democrático com representantes de vários estados brasileiros, cada um com sua realidade. É um trabalho longo que precisa da união e participação da categoria para sugerir novas propostas e discutir ideias. É importante que as pessoas participem dos encontros e fóruns”, afirma o representante do Sintrajufe/CE no Conan, Cláudio Emílio Carvalhedo. “Eu acredito que são propostas viáveis e que têm potencial para serem implementadas”, completou.