Artigos Recentes

SINTRAJUFE/CE REÚNE-SE COM CAPITÃO WAGNER PARA SOLICITAR APOIO

Membros da Diretoria do Sintrajufe Ceará, Engelberg Belém e Fábio Sabóia, reuniram-se com o Deputado Federal, Capitão Wagner, em solicitação de apoio para demandas da categoria.

O Sintrajufe-CE, representado por Engelberg Belém e Fábio Sabóia, dando continuidade ao trabalho junto aos parlamentares, esteve reunido na última quarta-feira (15) com o Deputado Federal Capitão Wagner, o mais votado nas últimas eleições no Ceará, representantes do Sindissétima, Justiça do Trabalho, Justiça Eleitoral e Ministério Público do Trabalho para solicitar apoio na aprovação do Projeto de Lei contra o assédio moral e na luta contra a Reforma Administrativa do atual governo.

Durante a apresentação das demandas gerais, o Diretor Administrativo e Financeiro do Sintrajufe-CE, Engelberg Belém, explanou sobre o assédio moral e o aumento inevitável do número de casos, que serão frequentes devido ao aumento do tempo de contribuição estabelecido pela reforma da previdência. Em complemento, o Diretor Executivo do Sindicato, Fábio Sabóia, expôs as dificuldades que o serviço público será condicionado caso a Reforma Administrativa seja aprovada, visto que esta será responsável pelo fim da estabilidade e pela redução salarial, precarizando o atendimento ao cidadão e a população carente. 

Nas demandas específicas, foi apresentado um dossiê por Engelberg Belém,  solicitando o apoio do Capitão Wagner ao nível superior (NS) para os técnicos do PJU/MPU. A proposta já foi aprovada em todas as instâncias sindicais, inclusive pela Federação e que já encontra-se no Supremo Tribunal Federal. O Deputado mostrou-se favorável à demanda da categoria e citou como exemplos a mudança de escolaridade na Polícia Federal e na Polícia Rodoviária Federal. Em paralelo, Fábio Sabóia demandou também o apoio para a criação da Polícia Judicial no Poder Judicial da União, visando a melhoria na segurança nas instalações do Judiciário e dos servidores. A respeito dessa proposta, Capitão Wagner reafirmou o apoio e declarou que “quanto mais polícia melhor”. 

Após as colocações, Capitão Wagner decidiu analisar as propostas e foi sensível à demanda.